3 Dicas Valiosas Para Escolher Móveis De Escritório
3 Dicas Valiosas Para Escolher Móveis De Escritório

A presença de mobiliário em escritório tem importância indiscutível para o desenvolvimento de várias atividades. Do básico como mesas e cadeiras até itens diferenciados como carpetes, é essencial prestar atenção aos detalhes e buscar conhecimentos técnicos para que o ambiente seja o mais adequado e agradável possível.

Neste post, separamos dicas valiosas para te ajudar a escolher os móveis para o seu escritório e executar qualquer outro projeto de interiores corporativos. Muitos fatores influenciarão a sua escolha: espaço útil, capital disponível para investimento, harmonização com o que já existe no local, ergonomia, entre outros.

Confira as principais dicas:

1- Ergonomia em primeiro lugar

O termo Ergonomia se originou do grego "ergon", que significa "trabalho", e "nomos", que quer dizer "leis" ou "normas". Na prática, é adaptar o ambiente de trabalho ao trabalhador, evitando que o contrário aconteça.

Essa é a primeira e provavelmente a mais importante dica que podemos dar. De nada adianta um móvel ser bonito, arrojado ou elegante e não ser confortável e funcional para quem o usará. Cedo ou tarde, escolhas de móveis que não levam em consideração a ergonomia tendem a gerar prejuízos - financeiros ou à saúde do trabalhador.

Ter móveis com medidas adequadas e/ou ajustáveis é um fator de grande relevância quando se trata de índices de satisfação, saúde e bem estar do trabalhador, bem como a manutenção ou aumento da produtividade

2- Identidade visual é importante

Após passar pelo filtro da ergonomia, é necessário pensar na identidade visual, que também é essencial!

A decoração de um ambiente reflete a personalidade e parte dos desejos de quem está naquele local. O apelo da imagem transmite, de forma significativa, o nível de organização, credibilidade e profissionalismo de uma organização frente aos clientes.

A estética de um escritório também é capaz de gerar maior conforto, harmonia e identificação entre os colaboradores, traduzindo também parte da cultura da empresa.

Definir uma identidade visual adequada aos objetivos e perfil da organização pode ser uma tarefa um tanto quanto difícil, pois nem sempre é intuitivo. Quando isso acontecer, procure e invista em profissionais da área de arquitetura e design de interiores.

3- Só serve se couber no orçamento

De nada adianta escolher um móvel lindo e ergonômico se o valor dele vai muito além do que seu orçamento permite investir. Nesse contexto, fazer análises de custos e benefícios é fundamental.

 A decoração de um escritório não pode comprometer seu planejamento financeiro, portanto, coloque no papel tudo o que é relevante para esse tópico: quantas pessoas trabalharão naquele ambiente? Poderá comprar à vista para tentar descontos? Qual o valor do frete? Essas e outras perguntas deverão nortear sua estratégia financeira.

É possível encontrar mobília de qualidade e acessível: invista seu tempo em pesquisa de preços!

Com todas essas informações em mãos, ficará muito mais fácil tomar decisões quando o assunto é montar ou redecorar o escritório. Lembre-se sempre que, além de bonitos, os móveis precisam ser funcionais, práticos, confortáveis e também harmonizar com o restante do ambiente!

Acha que esse post pode ajudar alguém que você conhece? Compartilhe em suas redes sociais!